Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]


Seguir o dinheiro até à cova

por João Miguel Tavares, em 17.04.14

Hoje, no Público, falo do estranho diploma aprovado no Parlamento que permite às IPSS entrarem no negócio dos funerais. Para ler aqui.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


3 comentários

Sem imagem de perfil

De sn a 22.04.2014 às 12:38

O Nicolau Santos também escreveu no Expresso um comentário na mesma linha que o João.

Ambos denunciam os milhões que as IPSS recebem depreciando o serviço que as IPSS prestam.

Ingénua me confesso mas custa-me olhar para as IPSS como máquinas de sacar dinheiro.

E nem compreendo porque metem a Santa Casa (a dos jogos) no mesmo saco das IPSS.

Mas pronto, sou ingénua.
Sem imagem de perfil

De Andre Lemos a 22.04.2014 às 22:07

Li com alguma atenção o texto em apreço e nao me parece que tivesse como 'destinatários' as IPSS.Porventura ingenuidade minha.
Sem imagem de perfil

De Andre Lemos a 19.04.2014 às 22:28

Certeiro.De resto, tal como com o Relvas.

Comentar post




Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Para ler o jornalista a falar da família



Arquivo

  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2013
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D




Favoritos