Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]


O superior interesse do aluno

por João Miguel Tavares, em 23.10.14

Hoje, no Público, escrevo sobre as prioridades invertidas no ensino público português, onde os interesses dos professores e do ministério atropela com vergonhosa frequência os direitos dos alunos. Para ler aqui.

Paralisacao-dos-professores-de-Joao-Pessoa-vai-dei

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


3 comentários

Imagem de perfil

De cristof a 28.10.2014 às 03:40

Talvez a sua critica certeira possa alertar as pessoas para a protecção das "castas" que este insanável desperdício de esforço que é manter o rebanho de professores públicos apascenta-dos . Educar os filhos é uma sorte quem consegue
Sem imagem de perfil

De António Teixeira a 24.10.2014 às 14:44

João Miguel,

a sua crónica no Público desta quinta fez-me recordar uma entrevistas ao Warren Buffett que li há tempos na Visão.
Quando lhe perguntaram o que se devia fazer para resolver o problema do ensino público nos EUA, ele, entre risos, disse que acabava com as escolas... privadas. Explicou que desse modo os que têm poder, e cujos filhos frequentam as privadas, passariam a preocupar-se mais com as escolas públicas.
Como pode ver, as melhores soluções nem sempre são as mais óbvias...

Cumprimentos.
Imagem de perfil

De golimix a 23.10.2014 às 18:41

Se existe tanto professor no desemprego porque é que não existe um processo de contratação mais célere de forma a substituir professores em atestado. Porque isto acontece, e é muito comum. As pessoas adoecem. É um conformismo irritante preferir deixar alunos sem aulas e esperar que o sistema avance.

Comentar post




Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Para ler o jornalista a falar da família



Arquivo

  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2013
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D




Favoritos