Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]


A morte de Salgado é muito exagerada

por João Miguel Tavares, em 29.07.14

No Público de hoje, procuro explicar porque não devemos andar a bater na justiça nem lamentar o tratamento dado a Ricardo Salgado. Para ler aqui.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


1 comentário

Sem imagem de perfil

De Joaquim Moura a 29.07.2014 às 19:15

"Não é certamente por acaso que José Sócrates aproveitou o seu comentário de domingo para se colocar fervorosamente ao lado do ex-DDT."

Vi o comentário de José Sócrates, este domingo, na RTP1 e não ouvi nada disso.

O que ele criticou e que nem sequer deveria ser grande motivo de controvérsia, foi o facto de o MP ter mandado deter para interrogatório o Ricardo Salgado, quando não parecia haver motivo que justificasse tal atitude. Ouvi muitos juristas fazer a mesma crítica nos diversos espaços de opinião e não me consta que tenham sido acusados de se "colocar fervorosamente ao lado do ex-DDT".

O seu ódio de estimação a José Sócrates impede-o de ouvir o que é de facto dito e leva-o a escrever mentiras, elaborando a partir delas.

Já não há pachorra, para tanta falta de isenção e seriedade.

Comentar post




Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Para ler o jornalista a falar da família



Arquivo

  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2013
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D




Favoritos